e-criativo

Economia Criativa
Plataforma de Documentação e Memória

THE GEOGRAPHY OF THE UK’S CREATIVE AND HIGH–TECH ECONOMIES
Livro - 2015

A GEOGRAFIA DAS ECONOMIAS CRIATIVAS E DE ALTA TECNOLOGIA DO REINO UNIDO

Organização: Hasan Bakhshi, John Davies, Alan Freeman and Peter Higgs

Políticas culturais no Brasil
Livro - 2007

Políticas culturais no Brasil / organização Antonio Albino Canelas
Rubim e Alexandre Barbalho. —Salvador : edufba, 2007.

Cadeia Produtiva da Economia do Artesanato – desafios para o seu desenvolvimento sustentável
TCC - 2010

Monografia apresentada ao Programa de Estudos Culturais e Sociais da Universidade Candido Mendes como requisito parcial para a conclusão do curso Lato Senso MBA em Gestão Cultural.

Autora: CLAIRE SANTANNA FREEMAN

Realização: Associação Brasileira de Gestão Cultural – ABGC

REGENERAÇÃO URBANA ATRAVÉS DA CULTURA FUNCIONA?
Outros - 2014

INVESTIGANDO POLÍTICAS Diálogos de economia criativa entre Brasil e Reino Unido

British Council Unidade de Economia Criativa
Série Investigando Políticas
Publicado pelo British Council

Inovação nas indústrias criativas - Caderno de Inovação FGV
Resumo - 2016

Caderno de Inovação

Inovação nas indústrias criativas

Caderno 21 - Maio 2016

FGV EAESP - Fórum de Inovação

Economia Colaborativa: A emergência de uma sociedade pós-capitalista
Outros - 2015

ECONOMIA COLABORATIVA

A emergência de uma sociedade pós-capitalista

ESCOLA DE ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS DE SÃO PAULO DA FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS

Centro de Estudos de Sustentabilidade

Numero 96

Cultura viva : as práticas de pontos e pontões
Livro - 2014

Cultura viva : as práticas de pontos e pontões / organizador: Frederico Augusto Barbosa da Silva.-- 2. ed., rev. e ampl. – Brasília:
Ipea, 2014.

Trabalho Artístico e Técnico na Indústria Cultural
Livro - 2016

Trabalho artístico e técnico na indústria cultural [recurso eletrônico] / organização Liliana R.P. Segnini,
Maria Noel Bulloni; tradução Marisa Shirasuna; textos Maria Aparecida Alves et. al. – São Paulo :
Itaú Cultural, 2016.

Cultura viva : avaliação do programa arte educação e cidadania
Livro - 2010

Cultura viva : avaliação do programa arte educação e cidadania / Frederico A. Barbosa da Silva, Herton
Ellery Araújo: organizadores.- Brasília : Ipea, 2010.

O Programa Cultura Viva e a economia criativa: análise do Moinho Cultural Sul-Americano
Artigo - 2012

Programa Cultura Viva tornou-se, nos últimos anos, uma importante política cultural de desenvolvimento local. A implementação da ação do Ponto de Cultura no estado de Mato Grosso do Sul representou um avanço significativo no fomento às iniciativas voltadas à economia da cultura e solidariedade. Várias organizações, hoje certificadas pelo Programa Pontos de Cultura, desenvolvem ações para inclusão produtiva e formação profissional, transferindo tecnologia social e de gestão aos participantes dos projetos, garantindo mecanismos que asseguram a autonomia de produção e do desenvolvimento através da participação e autogestão coletiva. Deste modo, este trabalho busca estabelecer uma análise da política pública do Programa Cultura Viva, tendo como objeto o Ponto de Cultura Moinho Cultural Sul-Americano, desenvolvido pela organização não governamental Instituto Homem Pantaneiro no município de Corumbá – Mato Grosso do Sul. Por último, uma breve análise sobre a importância da iniciativa popular e suas tecnologias utilizadas para tornar a autogestão uma alternativa real para superar o sistema capitalista através da adequação sociotécnica dos seus participantes.

Autor: Adriano Pereira de Castro Pacheco

Revista: Bahia anál. dados, Salvador, v. 22, n. 4, p.653-664, out./dez. 2012

Políticas culturais : informações, territórios e economia criativa
Livro - 2013

Organização: Lia Calabre

O Discursos Global da Economia Criativa - Frameworks para o desenvolvimento econômico
Artigo - 2018

Este artigo analisa os principais discursos dos organismos internacionais dedicados ao desenvolvimento de plataformas de gestão e organização da Indústria e Economia Criativa (EC) bem como suas influências na agenda global de formulação de políticas públicas. O artigo traz à baila a temática de uma nova economia intensiva em criatividade e seus transbordamentos estratégicos com a inovação, com a sustentabilidade e com a diversidade cultural. Por meio da Análise de Discurso (AD) da escola francesa, buscou-se caracterizar as diferentes abordagens adotadas por esses organismos, especificamente a Conferência das Nações Unidas para o Comércio e o Desenvolvimento (UNCTAD) e a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco). Identificadas as principais caraterísticas de cada relatório – dimensão setorial da indústria, os efeitos de sentido e as condições de produção do discurso da Economia Criativa em cada organismo –, procedeu-se à comparação dos documentos com o Plano Brasil Criativo, do Ministério da Cultura. Os resultados apontam para o desenvolvimento de um constructo multidimensional de instrumentos para a gestão estatal da EC – apoiados em ativos simbólicos específicos e singulares de cada país – conferindo à UNCTAD e à Unesco posição de vanguarda e influência na elaboração de políticas públicas para o setor criativo, inclusive no contexto Brasil. As discussões em torno das transações de ativos intangíveis e simbólicos contribuem, ainda, na geração de novos insights para a organização setorial da Economia Criativa nacional.

Publicado na Revista Brasileira de Gestão e Desenvolvimento Regional v. 14, n. 5 (2018)

Plano da Secretaria da Economia Criativa
Outros - 2012

Plano da Secretaria da Economia Criativa: políticas, diretrizes e ações, 2011 – 2014
Brasília, Ministério da Cultura, 2012.

Relatório de Inteligência - Turismo Cinematográfico
Relatório - 2016

Digulgação de opuntunidades para pequenas negócios, compreendendo o audiovisual e suas conexões com o Turismo.

SEBRAE

ECONOMIA CRIATIVA: Implicações e desafios para a política externa brasileira
Livro - 2014

Economia criativa : implicações e desafios para a política externa
brasileira / Mariana Gonçalves Madeira. – Brasília : FUNAG, 2014.

A CONVENIÊNCIA DA CULTURA: USOS DA CULTURA NA ERA GLOBAL
Resumo - 2006

A CONVENIÊNCIA DA CULTURA: USOS DA CULTURA NA ERA GLOBAL

TODAS AS LETRAS I, volume 8, n.1, 2006

Resenha: Vanderlei J. Zacchi

Culture, Creativity and Cities
Livro - 2013

Livro: Culture, Creativity and Cities

Edited by Emiko Kakiuchi
National Graduate Institute for Policy Studies, Tokyo
Xavier Greffe
University Paris 1 Pantheon Sorbonne

Creative Economy Report 2013
Relatório - 2013

A edição especial do Relatório enfoca a economia criativa em nível local nos países em desenvolvimento. É co-publicado pela UNESCO e pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) através do Escritório das Nações Unidas para a Cooperação Sul-Sul. O Relatório é organizado em dois volumes: um relatório de política e um documentário na web que traz à vida casos e tendências, e oportunidades e desafios da economia criativa no território.

MAPEAMENTO DA INDÚSTRIA CRIATIVA NO BRASIL - 2016
Relatório - 2016

MAPEAMENTO DA INDÚSTRIA CRIATIVA NO BRASIL - 2016

PUBLICAÇÕES SISTEMA FIRJAN - PESQUISAS E ESTUDOS SOCIOECONÔMICOS

SISTEMA FIRJAN

Indicadores Unesco de cultura para o desenvolvimento
Outros - 2014

Manual Metodológico - INDICADORES UNESCO DE CULTURA PARA EL DESARROLLO

Publicado en 2014 por la Organización de las Naciones Unidas para la Educación, la Ciencia y la Cultura, 7, place de Fontenoy, 75352 París 07 SP, Francia